Saneamento terá universalização comprometida com alíquota cheia na reforma tributária - Fitec Tec News

Saneamento terá universalização comprometida com alíquota cheia na reforma tributária

Um novo estudo da GO Associados para a ABCON SINDCON e a AESBE mostra que equiparar o setor de saneamento à saúde teria impacto de no máximo 0,2 pontos percentuais no imposto único padrão da reforma tributária, o IBS/CBS Dessa forma, a alíquota passaria, por exemplo, dos 26,5% atualmente estimados para 26,7%. Após quatro anos de bons resultados, com investimentos que estão proporcionando o aumento no acesso à água e esgoto tratados, o setor de saneamento poderá ser penalizado caso sejam mantidas as diretrizes atuais da reforma tributária, em fase de votação da regulamentação no Congresso. A carga atual de 9,25% que incide sobre o setor poderá subir para 26,5%, valor estimado para a alíquota-padrão do novo IBS/CBS.   Universalização   Segundo o estudo atualizado da GO Associados, esse aumento

Investimentos em modais são importantes para cumprir agenda de descarbonização, frisam especialistas - Fitec Tec News

Investimentos em modais são importantes para cumprir agenda de descarbonização, frisam especialistas

A pauta dos biocombustíveis está em alta há um bom tempo, desde a era do PróÁlcool, até a análise do Senado do Projeto de Lei 528/2020, conhecido como o PL dos ‘Combustíveis do Futuro’, que tem em seu escopo um conjunto de iniciativas para promover a mobilidade sustentável de baixo carbono em diversos modais, inclusive os marítimos. Para Cristina Wadner, do escritório Cristina Wadner Advogados Associados, o uso dos biocombustíveis é uma das ferramentas para transição energética que ajudará o mundo a atingir suas metas de descarbonização. Especialista na área marítima, ela comenta que as metas apresentadas globais do setor à Organização Marítima Internacional (International Maritime Organization, IMO em inglês), envolvem a redução de 30% de gases de efeito estufa até 2030, 80% até 2040 e, em 2050, alcançar ‘net

Embrapii apoia projetos inovadores e ágeis em prol do meio ambiente - Fitec Tec News

Embrapii apoia projetos inovadores e ágeis em prol do meio ambiente

Colaborar para que o Brasil cumpra os acordos internacionais de meio ambiente e devolva à indústria a capacidade de oferecer ao mercado itens inéditos. Eis a premissa da Empresa Brasileira de Pesquisa e Inovação Industrial (Embrapii), que se tornou uma aceleradora de soluções inovadoras sustentáveis, tanto pelos modelos ágeis quanto pela oferta de unidades especializadas no desenvolvimento de produtos que reduzem o impacto ambiental. Dentre os projetos está o apoio à startup Phycolabs. Juntamente com pesquisadores da Unidade Empresano Instituto SENAI de Inovação em Biossintéticos e Fibras do SENAI CETIQT, o time desenvolveu fios a partir de algas marinhas vermelhas, o que mostrou um grande incentivo para modelos inovadores e ágeis em prol do meio ambiente. Os pesquisadores Adriano Alves Passos e Igor Lopes Soares contam que os insumos podem

Valorizando o verde o potencial dos ativos ambientais no setor financeiro - Fitec Tec News

Valorizando o verde: o potencial dos ativos ambientais no setor financeiro

Nos últimos anos, as discussões sobre sustentabilidade alcançaram um novo patamar, impulsionando uma mudança primordial no cenário corporativo. Não mais relegada a um mero idealismo, a responsabilidade ambiental tornou-se um componente essencial na estratégia de negócios das empresas.  Essa nova perspectiva tem levado o setor financeiro a repensar seus modelos de investimento. Cada vez mais, os investidores estão reconhecendo o potencial dos ativos ambientais como fontes lucrativas, que promovem equilíbrio entre o crescimento econômico, a proteção ambiental e o bem-estar social.    Ativos ambientais   De acordo com Heloisa Baldin, CEO da Iwá, gestora de recursos com foco em ativos ambientais, esse tipo de investimento além de gerar retornos financeiros sólidos, também impulsionam a inovação em tecnologias verdes, a conservação de recursos naturais e a adoção de práticas comerciais responsáveis, contribuindo